CAUDA LONGA NAS FEIRAS DE NEGÓCIOS: VAMOS FALAR DISSO DE NOVO, ANTES QUE SEJA TARDE?

Em 2014, portanto há seis anos, publiquei meu primeiro artigo com esse tema. Ele se baseava em uma extensa pesquisa realizada pela Rede Feiras com expositores e visitantes das feiras de negócios que apontava para a necessidade de “ampliar a expectativa de vida” das feiras. Em 2020, a velocidade com que as ações e os relacionamentos se propagam, a percepção de que as feiras acontecem por três ou quatros dias e depois morrem para só ressuscitar no ano seguinte é algo que, segundo a pesquisa, incomoda mais de 68% dos visitantes e 51% dos expositores. Nesses seis anos pouco o mercado de feiras evoluiu nesse sentido. Alguns realizadores abriram canais de comunicação com os seus principais players

Feiras de Negócios: Uma ação compartilhadas nas horas boas e também nas horas difíceis

Quando o calor aperta todo mundo quer gelo mas ninguém quer ter o trabalho de encher a forminha... Por Fernando Lummertz, Nos últimos dias ficamos todos perplexos com as medidas tomadas por autoridades em todas as esferas de poder público, proibindo ou, no mínimo, recomendando o adiamento e/ou cancelamento de eventos programados para um horizonte próximo. Em que pese o assunto ser de natureza de saúde pública há que se considerar toda a sorte de prejuízos que a cadeia de valor do setor de eventos já está computando. Do organizador do evento ao visitante, existe uma cadeia de valor que também inclui centros de eventos, montadores e cenógrafos, empresas de alimentação, empresas de segurança e

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • LinkedIn ícone social
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2023 by Rede Feiras  |  Informações: +112369-6702 | 11 97694-1334 | fernando@redefeiras.com.br